Nancie Atwell

Center for Teaching and Learning, USA

@@NancieAtwell

Nancie  Atwell

Nancie descobriu o amor pelos livros enquanto estava de cama com febre reumática quando criança. Ela ensina inglês como uma oficina de leitura de textos, uma inovação que descreveu pela primeira vez em seu livro "In The Middle", agora em sua terceira edição (suas duas primeiras edições venderam meio milhão de cópias). Em seu workshop, os alunos escolhem os assuntos sobre os quais escrevem e os livros que lêem: uma média de 20 peças de redação publicável e 40 livros por ano. Eles experimentam um volume de prática e a resposta de especialistas que levam ao engajamento, resistência e habilidade.

Em 1990, Nancie fundou o Centro de Ensino e Aprendizagem, uma escola de demonstração sem fins lucrativos criada com o propósito de desenvolver e disseminar práticas eficazes de sala de aula. Os professores realizam seminários, escrevem livros e artigos profissionais e convidam professores de todo o país e de outros países a passar uma semana na escola para experimentar seus métodos em primeira mão. O CTL também faz um esforço conjunto para expor seus alunos do Maine rural a outras culturas e etnias, para que eles tenham uma chance de se tornarem cidadãos globais. Até agora, 97% dos graduados do CTL foram matriculados na universidade.

Desde 1976, Nancie escreveu 9 livros sobre o ensino (com louvor da Escola de Pós-Graduação em Educação de Harvard), editou 5 coleções e fez 120 discursos sobre seu ensino. Sendo o primeiro professor de sala de aula a receber os principais prêmios de pesquisa no campo das artes da linguagem, Nancie ganhou prêmios da Associação de Idiomas Modernos, da Associação Internacional de Leitura e do Conselho Nacional de Professores de Inglês. Em 2011, ela recebeu um doutorado honorário de Humane Letters da Universidade de New Hampshire.

Se receber o Prêmio, Nancie doaria o valor total para o Centro de Ensino e Aprendizagem para financiar a assistência de ensino, comprar mais livros e renovar a área da escola.

Je suis convaincu que l'enseignement des arts du langage est l'une des grandes carrières: exigeante en temps et en énergie, mais pleine de sens, utile et intéressante. Je peux démontrer ce qui est possible, enseigner ce qui est utile, établir des conditions qui invitent à l'engagement, soutenir le dur labeur de la lecture et de l'écriture littéraires et profiter des relations avec les adolescents qui m'ont d'abord attiré dans l'éducation. Quel travail pourrait être plus satisfaisant?